Talvez você tenha curiosidade de saber se a função de administrador de banco de dados vai desaparecer. A ideia central dessa postagem é conseguir auxiliar as partes a compreender se isso vai acontecer ou não. Obviamente que o trabalho de afirmar com clareza não é simples, porque tudo pode mudar.

Já que a história da humanidade mostra que uma simples atitude pode mudar completamente uma situação de lugar. Para confirmar isso é necessário citar que a tecnologia, ou seja, os avanços têm mudado a vida de todos. Esse tipo de visão é fundamental para garantir a todos a oportunidade de conhecer isso.

O mais interessante de aprender se a função de administrador de banco de dados vai desaparecer é a vontade de aprender. A partir disso, é preciso então utilizar esse texto para auxiliar as partes a compreender tudo isso. Mostrado esses pontos, nada melhor do que mostrar tudo o que você precisa saber.

O que um administrador de banco de dados faz?

É do conhecimento de todos que é necessário afirmar se a função de administrador de banco de dados vai desaparecer ou não. Só que antes disso é primordial mostrar um pouco mais sobre o que o profissional faz. É justamente esse ponto que é crucial e vai fazer com que tudo fique melhor ainda para todos.

O Administrador de Banco de Dados é o profissional responsável por fazer a programação e manter esses bancos de dados. Obviamente que está relacionado aos ambientes de testes e também da homologação. A ideia central é fazer a instalação e também a manutenção desses bancos de dados.

Um bom Administrador de banco de dados será o grande responsável por efetuar a instalação e também configuração disso. Sem esquecer da administração dos bancos de dados, porque essa será a função principal. Procure estar atento a esses pontos e você verá que foi a melhor decisão para as partes envolvidas.

Esse tipo de informação é crucial para começar a analisar se a função de administrador de banco de dados vai desaparecer. A partir desse fato, ficará bem mais simples de ter a chance de afirmar se isso vai funcionar ou não. É esse fato que fará com que tudo fique melhor e favoreça todo esse entendimento.

Um Administrador de Banco de Dados é o profissional responsável por instalar, configurar e administrar o banco de dados.

E os salários?

Todo mercado vai monetizar melhor aqueles profissionais que já são reconhecidos e possuem experiência. O salário médio pode ultrapassar os R$ 8 mil para o sênior, ou seja, é necessário conhecer muito para ganhar isso.

Já os iniciantes podem iniciar a sua trajetória ganhando mais ou menos R$ 3 mil, porém pode variar um pouco. Para os iniciantes é um bom salário e esse será um dos pilares para fazer com que tudo possa ficar melhor ainda para todos.

O que esse profissional irá fazer?

Talvez a função de administrador de banco de dados vai desaparecer, porém antes disso é necessário saber o que o profissional faz. É preciso mostrar um pouco mais, conheça a seguir o que esse profissional faz:

  • O desenvolvimento e monitoramento do desempenho dos servidores de banco de dados;
  • Fazer a documentação desses sistemas, dos bancos de dados e também sistemas operacionais com mais facilidade;
  • Efetuar a instalação e manter os sistemas que façam o gerenciamento dos bancos de dados;
  • Conseguir explorar toda a potencialidade efetuando alguns testes e fazendo todo o monitoramento da performance;
  • Auxiliando nos ambientes e também efetuando todo o planejamento dessa capacidade;
  • Efetuar todo o gerenciamento dos níveis de acesso com o objetivo de deixar a informação mais segura;
  • Definir e realizar os testes desses planos de contingência que for relativa ao SGDBs e também do baque de restore;
  • Oferecer suporte a esses usuários com relação a uma melhor utilização da linguagem SQL para acessar essa base de dados;
  • Sugerir as mudanças e também ir adequando a implementação física desses bancos de dados quando for preciso;
  • Administrar, gerenciar e manter esse sistema de banco de gados, garantindo as rotinas de back up e também restaurando esses bancos de dados;
  • Analisar quais são os índices quantitativos dessa eficiência ou ineficiência desse banco;
  • Fazer a análise dos índices de eficiência e também ineficiência desse banco;
  • Melhor tempo de resposta quando existir essas consultas nos bancos de dados;
  • Realizar as auditorias que forem necessárias a esse processo;
  • Efetuar todo o desenvolvimento desses procedures, functions e triggers e views, sem esquecer das outras atividades inerentes a função.

Provavelmente você achou que é muito e realmente são muitas atividades para fazer, portanto, não é simples. Ao que parece é complicado, porém utilizando uma única ferramenta você terá acesso a todos esses pontos.

Como é o mercado de trabalho?

O mercado de trabalho é bem interessante, porque as empresas normalmente valorizam esses profissionais que são primordiais. Já que os mesmos são responsáveis por fazer um trabalho que é valorizado pelas organizações.

Atualmente os profissionais ganham um bom salário e possuem a oportunidade de serem bem valorizados. Só que do outro lado será preciso investir um longo tempo em cursos ou mesmo faculdades para dominar todos esses pontos.

Pode parecer contraditório, porém a função de administrador de banco de dados vai desaparecer. Sim, trata-se de uma afirmação, porque tudo isso será substituído por uma prática nova e que tem ganhado cada vez mais espaço.

Trata-se simplesmente do DevOps, portanto, é uma das melhores soluções para as partes envolvidas nesse processo. Daqui para frente será mais fácil de entender do que se trata e você verá que o futuro bate à sua porta.

Afinal, a função de administrador de banco de dados vai desaparecer ou não?

Nas empresas grandes é normal que exista uma estruturação totalmente de acordo com o seu papel. Por exemplo: equipes de desenvolvimento, testes, segurança, DBAs e infraestrutura. É frequente ter a chance de analisar outras equipes que trabalham de forma isolada, muitas veze sem uma mesma sala.

Os desenvolvedores vão sempre escrever alguns códigos e irão efetuar a entrega e também a documentação referente a implantação. Em seguida, as equipes de testes vão fazer o seu papel, ou seja, o software irá para frente. Depois para trás e ir aplicando as correções que forem inerentes a esses bugs.

O objetivo principal é muito simples e faça com que isso chegue até a equipe de infraestrutura ou mesmo operações. É justamente nisso que vai entrar a execução no ambiente de produção e todas essas questões. Tudo isso mostra que a função de administrador de banco de dados vai desaparecer logo.

Algumas empresas conseguem aplicar os famosos ritos do Scrum, ou seja, metodologia de desenvolvimento de S.W. Isso fará com que seja mais simples de gerenciar o software, podendo torna-se até mesmo um clico. Por exemplo: fazer o desenvolvimento, os testes e também toda a implantação disso.

Esses desenvolvedores terão uma fila repleta de tickets, chamados e até dos issues. O objetivo é simples, portanto, fazer a correção para que possa existir um desenvolvimento muito melhor. As melhores equipes de testes vão fazer com que você não fique gastando tempo testando mil vezes a mesma aplicação.

Já o time de operações vai precisar ter uma visão diferenciada, suportando toda essa aplicação que está sendo feito. A função de administrador de banco de dados vai desaparecer, porque esse time não tem nenhuma ideia sobre o código e disso que vem a rica entre os times de desenvolvimento e operações.

Qual é a proposta?

O primeiro passo era entender o contexto atual e depois as principais dificuldades, porém agora é a hora de aprender mais sobre DevOps. Já que a ideia central é fazer todo o gerenciamento desse fluxo em todas as equipes.

As mesmas vão interagir e se comunicar-se com muito mais clareza, o nome disso é DevOps. Uma nova proposta, tendo como objetivo simplesmente deixar tudo mais fácil e rápido, portanto, é uma grande oportunidade para todos.

A função de administrador de banco de dados vai desaparecer, porque o DevOps fará isso praticamente sozinho. O que será necessário é apenas saber fazer a programação e o restante é com esse novo estilo de programação.

Uma das principais vantagens do DevOps é permitir uma maior flexibilidade, ao ponto de ser adequar a qualquer necessidade. Sim, não importa a empresa e tampouco a atuação, fato é que ficará fácil de utilizar esse tipo de programação.

A flexibilidade da ferramenta é tão grande que dá para aplicar os seus conceitos com toda a facilidade. Melhorando o fluxo de desenvolvimento desse software e também fazendo toda a interação com a operação.

DevOps não é apenas um estilo de programação, portanto, é uma cultura pautada por vários pontos. Por exemplo: as práticas e metodologias, podendo ser aplicada no seu dia a dia, alcançando um melhor ambiente de TI.

Por meio desse fato dá para os desenvolvedores efetuarem os testes e aplicam os scripts desses cenários de testes. Esse time de infraestrutura irá implantar uma aplicação de forma automatizada, não mexendo no ambiente da sua versão.

Para imaginar por que a função de administrador de banco de dados vai desaparecer é preciso citar que o software irá sair da codificação e chegando a produção com um ambiente mais estável, ou seja, é bem vantajoso.

O que o DevOps vai trará?

O DevOps é uma proposta totalmente moderna e trará para todos 4 pontos que são cruciais para que o entendimento fique melhor. Afim de facilitar o entendimento confira a seguir essas questões que serão cruciais, veja:

  • Cultura– DevOps nada mais é do que uma abreviação para o desenvolvimento e a operações. A ideia é juntar ambos os departamentos, ou seja, fazer uma colaboração e integração entre todos.
  • Automação– Vai remover todos os obstáculos que podem impedir que os desenvolvedores entregue algo incrível. A integração continua trará para você um ponto primordial, ou seja, deixará mais rápido e fácil as entregas.
  • Medição– O processo de medição fica mais assertivo, porque basta analisar como o seu pipeline está fazendo a execução. Como por exemplo: a infraestrutura está se comportando naquele momento.
  • Compartilhamento– Vai significar que você esteja compartilhando os problemas e também as soluções para trabalhar nesse sentido. Fica mais simples de compartilhar as soluções sem prejudicar o resultado final.

Esses 4 pontos auxiliam a entender por que a função de administrador de banco de dados vai desaparecer com o DevOps. Já que a ferramenta faz tudo aquilo que o profissional precisa fazer, porém de uma forma bem mais simples.

Por que DevOps é importante?

As formas mais antigas de fazer o desenvolvimento desse software levava tempo demais para entregar um resultado. E quando o mesmo era entregue, normalmente poderia vir com bugs e não eram entregues no seu ápice.

A função de administrador de banco de dados vai desaparecer, pois o DevOps escala melhor. Já que você precisará apenas apertar um simples botão e fazer toda a liberação desse ambiente de produção com muito pouco.

Uma vez que é possível efetuar os testes automatizados, ou seja, vão começar com esse teste de unidade e irão por todo o caminho de aceitação. Vai permitir que você evite os problemas com muita facilidade em todos esses testes.

Se o mesmo falhar no ambiente controlado, será simples de encontrar a parte que não funciona e fazer a correção. O que no passado leva dias, pode ser feito em horas ou minutos, portanto, é uma vantagem e tanto para todos.

Qual a conclusão?

Sim, a função de administrador de banco de dados vai desaparecer e a razão para isso é o DevOps. A ferramenta trará o que o futuro exige, ou seja, mais qualidade por um preço que seja bem menor. É justamente esse tipo de visão que vai confirmar aquilo que é o objetivo de todos: menos por mais.

Ao pagar menos por uma aplicação é possível ter uma qualidade maior, portanto, essa é a principal vantagem. Talvez a profissão não desapareça completamente, porém é provável que o DevOps faça essa substituição. Isto quer dizer: vai erradicar e trará para todos a necessidade que o futuro vai impor a todos.

Atendimento Mundo DevOps
Enviar via WhatsApp